bombolone

Bombolone do Cucciolo, em Firenze

bombolone

E quando você acha que já experimentou todas as maravilhas da culinária toscana, já percorreu os restaurantes que te foram  recomendados e degustou aquela lista de vinhos com os queijinhos irresistíveis que existem por aqui, eis que aparece uma outra tentação que você não pode deixar de provar na hora do seu snack no meio da tarde, o bombolone. Este é um doce toscano bem parecido com o nosso sonho.

DSC_1053

O bar é discreto e provavelmente você nem daria bola a um local como esse se não soubesse que ali é preparado o mais gostoso e tradicional bombolone da cidade

Hoje conto também sobre o Cucciolo, um bar de Firenze fundado em 1943, que parece muito insignificante mas que produz o melhor bombolone da cidade. Eu conheci o histórico Cucciolo e seu irresistível bombolone há cerca de dez anos num passeio pelo centro histórico com meu marido. Ele me explicou que aquele lugar lhe remetia à sua infância, pois era parada obrigatória quando há cerca de 40 anos passeava pelas ruas do centro com seu avô. Para ele, a parte mais gostosa do tour era o pit-stop naquele endereço, de onde ele observava  encantado o seu bombolone que chegava quentinho lá de cima.

DSC_0009

O cilindro de vidro de onde caem as delícias…

DSC_0005_2

…E aterrissam neste recipiente cheio de açúcar… as crianças ficam encantadas!!!!

Como o doce é preparado no andar de cima, eles fizeram uma espécie de cilindro transparente por onde a delícia vem passando até cair num recipiente cheio de açúcar, que encobre o doce. E voltamos ali esses dias, dessa vez com nosso filho que tem cinco anos (a sua idade na época) para mostrar como funciona a produção dos apetitosos bombolones, que lembra o nosso sonho, só que aqui o fazem bem mais macio. Passei no local pela manhã para conseguir fotografar tudo pra vocês com calma, pois depois das 15 h, quando iniciam a liberar do alto os bombolones, o movimento é grande!

DSC_0054

Os proprietários são os irmãos Alberto Berardi (foto) e Alessandro Levi, que aprenderam com a mãe, fundadora do local, a receita da consistência perfeita

É um doce frito (help!!!) servido geralmente no lanche da tarde. Muita gente também gosta para o café-da-manhã. No Brasil é chamado de sonho, na França de beignet e nos Estados Unidos de donuts. Feito com a mesma massa do bombolone é a ciambella, da  foto abaixo, que não tem recheio.

DSC_0005

bomboloni

A receita do bombolone é simples. Farinha, manteiga, fermento biológico fresco, leite, açúcar, ovo, uma pitada de sal, essência de baunilha e açúcar para polvilhar, praticamente a mesma do nosso famoso sonho. E dentre as opções de recheio estão chocolate, geleia e creme

DSC_0055

Faz parte da decoração do bar este recorte de jornal que noticia os 60 anos do local, que este ano completa 71 anos

Ignore essa coisa de calorias e gorduras e se jogue nessa delicia.  Afinal, você vai precisar de muita energia para caminhar pela cidade… Será que vocês me perdoam, rsrsrs???

Cucciolo, Via del Corso 25 r (Firenze)



About

A minha paixão pela comunicação e pelo turismo é herança dos meus pais. Adoro viajar para observar e vivenciar as diversidades culturais. Depois que me formei em Jornalismo, passei longa temporada em Londres, um curto período nos Estados Unidos e atualmente vivo em Florença, com meu marido e nossos dois filhos. Desde 2005 sou retail na Ermenegildo Zegna. Busco sempre ver o lado positivo em todas as coisas e prefiro ter por perto aqueles que, como eu, dão mais valor às pessoas do que às coisas materiais.


'Bombolone do Cucciolo, em Firenze' have 10 comments

  1. 22 de janeiro de 2014 @ 21:09 Anônimo

    Hummmmm, que delícia, com certeza irei aí quando estiver na Itália, ótima dica!!

    Reply

    • 22 de janeiro de 2014 @ 21:38 Denya Pandolfi

      Vale a pena a visita. E muito auto-controle, por favor! Podem comer apenas UM Porque depois se ganharem uns quilinhos vcs vão colocar a culpa em mim… Mt responsa,rsrsrs. Abraço, denya

      Reply

  2. 25 de janeiro de 2014 @ 08:44 Jair Ribeiro

    Que Maravilha, hein, Denya!!! Adorei esse Post… Vou contar um segredo aqui… Morei 1 ano na via Del Corso e NUNCA entrei no Cucciolo, pode isso???

    Depois desse teu artigo não vou me perdoar até voltar a Firenze e comer pelo menos 2 bombolloni e claro, levar a Stella junto pra conhecer. Beijos

    Reply

    • 25 de janeiro de 2014 @ 23:50 Denya

      Oi, oi Jair! Nem acredito que vc morou ali e não sabia que tinha essa gostosura tão pertinho de casa. Tenho certeza que a Stella vai curtir demais o bombolone que vem descendo pela vitrine, é um barato… Grande abraço e ótimo domingo! D

      Reply

  3. 27 de janeiro de 2014 @ 00:51 Anônimo

    Oi,,
    E Bubu? Curtiu?
    Queria ve-lo…nesta situacao.
    Bacana.

    Reply

    • 27 de janeiro de 2014 @ 20:49 Denya Pandolfi

      Ele adorou, claro! Precisamos voltar ali tds juntos… bjs! D

      Reply

  4. 6 de maio de 2015 @ 16:46 Dani Bispo

    Assim vcs acabam comigo. Vou TER que ir na próxima vez que estiver na cidade! kkk

    DicOna né?

    bjs
    Dani

    Reply

    • 11 de maio de 2015 @ 07:35 Denya Pandolfi

      Dani queridona! A gente come uns 3, rsrsrs… bom demais!!! bjoca , Denya

      Reply

  5. 9 de dezembro de 2015 @ 18:27 Maria Glória D'Amico

    Que delícia Denya, este eu não conhecia.
    Salivei aqui, vou pesquisar algumas ricette rsrs.
    Beijinhos, ciao!

    Reply

    • 10 de dezembro de 2015 @ 13:02 Denya Pandolfi

      Maria Gloria, sério: tem dia que tenho desejo desse bombolone quentinho… hummm… Tenho certeza que vais gostar. Super bj minha querida! D

      Reply


Would you like to share your thoughts?

Your email address will not be published.