degustando

Espumantes, do tira-gosto ao dolce

Recentemente participei da degustação de espumantes, ou bollicine,  promovida pela enoteca Signorvino de Firenze, que acaba de criar a School of Wine, oferecendo lições básicas para quem  quiser aprender noções sobre vinho de forma simples e divertida.
ponte-vecchio

Os espumantes, que variam dos mais secos aos mais doces, podem acompanhar todos os pratos. Existem opções para serem harmonizadas do tira-gosto ao dolce

O Signorvino, com posição privilegiada, é  um restaurante-enoteca  com uma convidativa varanda panorâmica a poucos passos da Ponte Vecchio, circundado de maravilhosos predios históricos à beira do Arno, como a Galleria degli Uffizi.
signorvino

O vinho espumante borbulha graças à significativa quantidade de dioxido de carbono. Dica importante para os apreciadores de espumantes: jamais balancem a taça!

Espumantes – Os espumantes são chamados de bollicine aqui na Itália. Os espumantes são vinhos que sofrem 2 fermentações  naturais. A primeira fermentação alcoolica, comum em todos os vinhos, é a que transforma o açúcar da uva em alcool,  enquanto que a 2ª, responsável pela formação de  bolhas, ocorre dentro da própria garrafa (Clássica ou Champenoise) ou em tanques de inox  (Charmat).
signorvino

Jornalistas e blogueiros que participaram da degustação de espumantes

Começamos com Ferrari Perle’ Chardonnay pureza 2009 para um brinde na varanda. Depois nos acomodamos na saleta interna para o início das degustações, conduzidas por Irene e Sandra.
signorvino
Experimentamos espumantes do Veneto, Lombardia e Trentino, famosas regiões produtoras da bebida.
signorvino
O Valdobbiadene Prosecco Superiore di Cartizze, Cuvèe Viviana, foi harmonizado com a burratina da Puglia com tomatinhos. Depois passamos ao  Franciacorta Brut, de Gatti, com Robiola dei Lessini, queijo de cabra e enroladinho de abobrinha.
signorvino
Prosseguimos com o Franciacorta Satèn, de Castello Bonomi, servido com flores de abóbora frita e a vellutata, uma deliciosa sopa de abóbora.  Para acompanhar a tartare de carne, um Trento Doc “Bouquet Nature”, de Pedrotti.
espumante
*As datas do curso School of Wine, sempre às 20h,  são as seguintes:
14 dezembro – Vinho Branco
18 janeiro – Vinho Tinto
15 fevereiro- harmonizaçao vinhos e comida
Degustação com 4 taças e finger food no valor de 35 euros.
Reservas e informações, através do email firenze.pontevecchio@signorvino.it

Signorvino

Via dei Bardi, 46 r
Firenze

Posts que podem interessar:

Como transportar vinhos na mala

Pratos típicos da Toscana

Hábitos alimentares dos italianos

Achados de supermercado na Itália 

20 atrações grátis em Firenze

 

 

 

 



About

A minha paixão pela comunicação e pelo turismo é herança dos meus pais. Adoro viajar para observar e vivenciar as diversidades culturais. Depois que me formei em Jornalismo, passei longa temporada em Londres, um curto período nos Estados Unidos e atualmente vivo em Florença, com meu marido e nossos dois filhos. Desde 2005 sou retail na Ermenegildo Zegna. Busco sempre ver o lado positivo em todas as coisas e prefiro ter por perto aqueles que, como eu, dão mais valor às pessoas do que às coisas materiais.


'Espumantes, do tira-gosto ao dolce' has no comments

Be the first to comment this post!

Would you like to share your thoughts?

Your email address will not be published.