negroni

Negroni

Uma das bebidas que mais fazem sucesso aqui na Itália durante o happy hour – aqui chamado de aperitivo, é o Negroni, geralmente tomado antes das refeições. Vou contar pra vocês um  pouco sobre como surgiu esse drink há quase um século em um bar aqui de Firenze.

negroni

A bebida foi inventada por acaso pelo conde Camillo Negroni nos anos 20 (alguns dizem que foi em 1919), no bar Casoni, hoje chamado de Caffè Cavalli (ou Giacosa), que fica no centro da cidade, ao lado da loja do estilista florentino. Cansado do seu habitual Americano, o conde pediu que o barman Fosco Scarselli acrescentasse um pouco de gim à sua bebida. E eis que ali surgia um dos drinks mais famosos do mundo super apreciado não apenas aqui mas em bares e restaurantes de todo o planeta.
 caffe-cavalli
Preparar um Negroni é super fácil e rápido. Ele é feito com três doses iguais de três tipos de bebida. Aqui vai a receita pra você surpreender seus convidados em casa com um bebida tipicamente italiana:
Encha um copo com pedras de gelo. Depois misture as três doses (gin, campari e vermute tinto italiano) num recipiente e mexa bem com uma colher. O toque final fica por conta de uma rodelinha de laranja.
negroni
negroni
E caso você esteja visitando Firenze não deixe de experimentar a bebida. O Caffè Cavalli servirá seu drink no copo personalizado com o nome da bebida e o amo de sua invenção. O Negroni custa 8 euros e se você aparecer a partir das 18h30 vai poder se servir a vontade com os quitutes que encontrar sobre o balcão.  Este é o sistema do aperitivo aqui na Itália, você paga a bebida e pode comer o que a casa oferecer, num serviço de buffet.
aperitivo
A bebida é refrescante e apesar de um pouco amarga devido ao campari casa super bem com o sabor do vermute e do gim. E garanto que o que vai contribuir e em muito para você  apreciar o seu drink é a atmosfera do histórico local. Afinal, mesmo sendo clichê tá valendo: nada é mais prazeroso do que beber a água na fonte!
giacosa
Giacosa – Via della Spada, 10 r
Firenze


About

A minha paixão pela comunicação e pelo turismo é herança dos meus pais. Adoro viajar para observar e vivenciar as diversidades culturais. Depois que me formei em Jornalismo, passei longa temporada em Londres, um curto período nos Estados Unidos e atualmente vivo em Florença, com meu marido e nossos dois filhos. Desde 2005 sou retail na Ermenegildo Zegna. Busco sempre ver o lado positivo em todas as coisas e prefiro ter por perto aqueles que, como eu, dão mais valor às pessoas do que às coisas materiais.


'Negroni' have 12 comments

  1. 6 de dezembro de 2013 @ 14:49 Dani Bispo

    Nunca provei o negroni, mas acho que não vou curtir porque detesto coisas amargas. O Spritz por exemplo consigo beber só uma dose, depois acho enjoativo (com gosto de cebion) hahahaaa Gosto muito de suas bebidas em estado original tipo vinho, prosecco e cerveja.
    A próxima tentativa é provar o Bellini, esse acho que vou curtir.

    bjs
    Dani

    Reply

    • 7 de dezembro de 2013 @ 09:42 Denya Pandolfi

      Olá Dani, bom dia! Ah, eu também não sou fã de bebidas muito amargas, mas não podia deixar de experimentar o Negroni do Cavalli e dar a dica, hehehe…E não sei se é impressão, mas percebi que agrada muito mais o público masculino. Se eu estiver falando alguma besteira, me corrijam, please… Um beijo pra vc e ótimo final de semana, D

      Reply

  2. 6 de dezembro de 2013 @ 15:31 gugaiarsa

    Denya, na maior parte dos bares fiorentinos onde peço o Negroni os barmans pegam as 3 garrafas simultaneamente, com bicos domadores de metal, servindo-as no copo com gelo, assim não é necessário medir a dose e se tem certeza que a proporção está correta, além de não ser necessário mexer o drink, já que as bebidas se misturam naturalmente.

    Nunca provei o do Caffè Cavalli, costumo tomar o do Modo Wine Bar e do Kitsch Deux, ambos muito bons, mas quero muito provar o do Cavalli quando estiver de volta a Firenze.

    Reply

    • 6 de dezembro de 2013 @ 15:31 gugaiarsa

      Onde se lê domadores leia-se dosadores.

      Reply

    • 7 de dezembro de 2013 @ 09:49 Denya Pandolfi

      Olá Guga, lá no Negroni o barman também usou os bicos dosadores das garrafas. É que como estava dando a receita, preferi simplificar falando sobre a medida igual das três bebidas para ajudar quem quiser fazer em casa. Interessante vc falar que os barmen não mexem as bebidas. O do Negroni usou a paleta para misturar tudo antes de me servir, tem até a foto acima para provar, rsrsrs. Vc mora em Fieenze? Mt obgda pela sua participação e volte sempre, D

      Reply

      • 10 de dezembro de 2013 @ 15:15 gugaiarsa

        Oi Denya, moro em Firenze sim, embora agora em dezembro esteja de volta a São Paulo. Quando puder dê uma olhada no meu blog, o http://mangiachetifabene.com

        Reply

        • 10 de dezembro de 2013 @ 17:48 Denya Pandolfi

          Acabo de conferir o seu blog, mt interessante, parabens! Ja’ deu saudade da cozinha italiana com o antipasto, primo, secondo, uhummmm….. Tb estou no Brasil mas volto para Firenze dentro de poucas semanas. Obgada pela visita! Abbraccio, D

          Reply

  3. 8 de dezembro de 2013 @ 20:41 Isabela Discacciati

    Eu adoro Negroni, adoro Spritz com Campari..enfim, curto bebidas meio amarguinhas. Concordo totalmente quando diz que é bebida de homem. Rs… as mulheres não apreciam muito e preferem drinks mais docinhos e suaves. No Brasil então quando a gente pede um drink com Campari pega até mal.. Ahahaha… mas eu nem ligo.

    Reply

    • 10 de dezembro de 2013 @ 01:57 Denya Pandolfi

      Oi Isa, verdade…. quase nao vemos mulheres tomando Campari no Brasil… mas quem gosta tem mesmo é que tomar sem medo de ser feliz, hehehe! Baci

      Reply

  4. 8 de maio de 2016 @ 18:26 Grazie a te / Aperitivo, happy hour à italiana

    […] que é um dos mais pedidos até hoje por aqui. Para mais detalhes sobre o local e a bebida, clique aqui. Via della Spada, […]

    Reply

  5. 29 de junho de 2017 @ 12:37 Grazie a te / Food tour na boemia região do Oltrarno, em Florença

    […] o tão famoso e difundido happy hour. Aprendemos a fazer 2  drinks que são super solicitados: o Negroni, bebida que surgiu aqui em Firenze, e o Americano. Com mesinhas na área externa, o bar tabacchi […]

    Reply


Would you like to share your thoughts?

Your email address will not be published.