sbandieratori

Os lançadores de bandeiras

A arte dos lançadores de bandeira tem origem medieval, surgiu mais precisamente durante as guerras. A bandeira era um sinal do orgulho cidadão mas ao mesmo exprimia uma necessidade tática e era um ponto de referência durante os combates. E os lançadores de bandeira encarregavam-se de comunicar e transmitir mensagens como o momento para atacar e os movimentos que precisavam fazer com as tropas durante as batalhas.

 

sbandieratori

 

Atualmente as apresentações dos lançadores de bandeiras é um belíssimo espetáculo que podemos presenciar em determinados eventos e festividades. O que não mudou mesmo depois de tantos séculos é orgulho de quem está envolvido nessa atividade. E Firenze, que é uma cidade que conserva tradições antigas, nos presenteia com lindas festas tradicionais quando é possível admirar o voo das bandeiras num cenário com figurantes a caráter e damas renascentistas que integram o cortejo e desfilam pelas ruas do centro histórico.

 

cortejo-historico

damas-renascimento

sbandieratori

 

Os lançadores de bandeiras colorem e deixam boquiabertos milhares de espectadores! Movimentos, cores e coreografias dos lançadores de bandeira que encantam num espetáculo que pode ser visto em poucos lugares do mundo.

 

sbandieratori

 

atiradores-de-bandeiras

Esta arte milenar que encanta multidões é uma atividade com regras rígidas, com critério e técnicas. As bandeiras são agitadas e depois lançadas para cima e em seguida apanhadas pelo cabo, sem que caiam no chão

 

lançadores-de-bandeiras

Os lançadores de bandeiras dos Bandierai degli Uffizi e a arte do manejo das bandeiras, originalidade. No rico currículo de sua tradição já participam de eventos importantes, tanto no âmbito esportivo quanto histórico

 

Em Firenze e arredores existem diversos grupos de lançadores de bandeiras, sendo que o principal é o  dos Bandierai degli Uffizi, que surgiu em 1973 como parte do Corteo Storico della Repubblica Fiorentina, com cerca de 530 integrantes,  figurantes com vestimentas nobres e armas, armaduras, música e damas renascentistas.

sbandieratori

Os Bandierai degli Uffizi são parte integrante da Procissão Histórica da Republica Florentina e do Calcio Storico. É o unico grupo que representa oficialmente a cidade de Florença

 

A procissão histórica da República Fiorentina nasceu com a intenção de recordar a atmosfera da Florença Renascentista e atualmente integra  o grupo do Calcio Storico Fiorentino, o jogo tradicional da cidade quedou origem ao futebol moderno.

 

sbandieratori

cortejo-firenze

As bandeiras representam as 16 magistraturas e escritórios da Florença renascentistas na época da República do século 16. O grupo se apresenta durante jogos do Calcio Storico

 

Troféu Marzocco

Existe uma competição entre os grupos de lançadores de bandeiras, o Troffeo Marzocco, que acontece sempre no dia 1º  de maio, ao centro da divina Piazza della Signoria.  Participei da 45ª edição a convite dos Bandierai degli Uffizi, o grupo oficial do Palazzo Vecchio.  É um torneio entre os grupos  históricos de lançadores de bandeiras,  que aqui  na Itália são chamados de sbandieratori.
atiradores-de-bandeiras

A apresentação é resultado de um treinamento realizado respeitando as antigas tradições

Antes da manifestação tem cortejo pelas ruas do centro histórico da cidade, que parte do Palaggio di Parte Guelfa, na imediações do Mercado Del Porcelino, percorre algumas ruas da cidade e vai até a Piazza della Signoria, onde acontecem as exibições entre os participantes do evento.

lançadores-de-bandeiras

cortejo

O Cortejo pelas ruas de Firenze, com os participantes em trajes renascentistas

 

Para saber mais a respeito da atividade, fiz uma entrevista com Christian Marini, que faz parte do Bandierai degli Uffizi desde 2003.    Apaixonado e orgulhoso da atividade que começou quando tinha 23 anos, Christian já participou de diversos eventos importantes, dentre os quais, uma exibição em Nova York:

 

sbandieratore

Christian Marini, que começou a dedicar-se à atividade de lançador de bandeiras aos 23 anos. “Aconselho a todos, foi a melhor escolha que fiz”. (foto divulgação)

 

1 – Como começou?

Um meu caro amigo, que infelizmente não está mais com a gente, Filippo Galli, fazia parte dos Bandierai degli Uffizi e sempre quando a gente se encontrava ele dizia que eu deveria provar a executar as bandeiras pois iria gostar e me divertir. Se pudesse voltar no tempo, teria seguido o conselho dele muito antes.

2- O que representa essa atividade?

Fazer o executado de bandeiras me permitiu representar a minha cidade, seja nas manifestações que acontecem aqui em Firenze seja por todo o pais e ate mesmo no mundo. portanto, è segumangte uma grande honra pra mim. Alem disso, e importante é a diversão.

 

3- Quando surgiu e o que representa o grupo dos Bandierai degli Uffizi?

Surgiu em 1973 e fazem parte do Corteo della Repubblica Fiorentina. Nos exibimos em ocasião do Cálcio Storico Fiorentino, uma rievocazione de uma partida disputada em fevereiro de 1530 quando os florentinos, assediados das tropas de Carlo V começaram a jogar para despistar o inimigo.

 

4- Quantas vezes por ano?

São 60 vezes por ano como lançadores de bandeira. Para quem, como eu, ha uma família e filhos, é impossível participar de todas as exibições, em media, participo de 20 ou 25 por ano.

 

santa-croce

Christian, o primeiro da esquerda, durante apresentação na Piazza Santa Croce, em Firenze

 

5- Quais sao as principais dificuldades para um lançador de bandeiras?

É uma atividade extremenaten difícil e precisa de muito treino ara aprender, as dificuldades principais  é fazer com precisão os vários lançamentos de uma coreografia, talvez passando em poucos segundos de lançar uma bandeira a 15 metros e logo depois lançar-la a quem está ao seu lado.. Existem depois algumas variantes que aumentam a dificuldade, o vento e2 certamente o nosso maior inimigo, a chuva e os espaços limitados. É difícil também conseguir segurar o lado emotivo. Nesse pedido tive a sorte de me exibir em locais belíssimos e em ocasiões e eventos muito importas, e nesse casos, é muito importante saber controlar a emoção .

 

6- Existem também mulheres que participam?

O corteo storico da Repubblica Fiorentina é de origem militar e a única figura feminina permitida é a das “madonne fiorentine”.

 

7- Existe rivalidade entre os lançadores de bandeira de outros grupos de Firenze?

Absolutamente não  Na província são diversos grupos, alguns numerosos.  Nós, que fazemos parte da prefeitura de Firenze, nos exibimos principalmente nas festas do município e logicamente somos os únicos que nos exibimos nessas manifestações. A única competição que participam é o Trofeo Marzocco na Piazza della Signoria, quando convidados grupos de toda a Itália. Não é possível que haja rivalidade com associações privadas que fazem espetáculos em ocasiões diferentes das nossas.

 

8 – Como vocês se preparam para as exibições?

Com treinamento, que serve para aperfeiçoar os movimentos e melhorar a harmonia com os movimentos com todos os participantes. Uma apresentação é realmente bela se todos os  componentes fazem os movimentos idênticos e ao mesmo tempo, sincronizados.

 

9- Qual o local mais bonito em que se apresentou?

Nesses 15 anos, tive a sorte de me apresentar em locais e ventos fantásticos, mas se devo escolher um fora de Firenze, direi que ter feito  voar a bandeira que traz a flor de lírio estampada em meio aos arranha-céus de Nova York  foi uma experencia única.

 

 

As apresentações em Firenze acontecem em determinados períodos do ano, como no Domingo de Páscoa, no dia 1º de maio (Troffeo Marzocco), em junho durante as partidas do Calcio Storico. O cortejo histórico passa por algumas ruas e praças do centro histórico de Firenze e não é necessário adquirir bilhete para assistir ao desfile.

 

Apresentação do dia 24 de junho – Festa de San Giovanni

15 horas-  O cortejo histórico parte do Palácio di Parte Guelfa em direção à praça Santa Maria Novella onde se encontra com os jogadores e outros integrantes do cortejo

16 horas – todo o cortejo sai em em direção à Piazza Santa Croce, passando por Via Tornabuoni, Piazza della Repubblica, Via Calimala, Piazza della Signoria e via dei Neri

17 horas- Final do Calcio Storico na piazza Santa Croce (Rossi contra Verdi)

 

bandierai-degli-uffizi

Em 24 de outubro de 2018, os Bandierai degli Uffizi festejaram 45 anos do grupo em solenidade no Salone dei 500, no Palazzo Vecchio, onde foi lançado o selo postal comemorativo



About

A minha paixão pela comunicação e pelo turismo é herança dos meus pais. Adoro viajar para observar e vivenciar as diversidades culturais. Depois que me formei em Jornalismo, passei longa temporada em Londres, um curto período nos Estados Unidos e atualmente vivo em Florença, com meu marido e nossos dois filhos. Desde 2005 sou retail na Ermenegildo Zegna. Busco sempre ver o lado positivo em todas as coisas e prefiro ter por perto aqueles que, como eu, dão mais valor às pessoas do que às coisas materiais.


'Os lançadores de bandeiras' have 1 comment

  1. 28 de setembro de 2018 @ 11:46 Grazie a te / Carro Matto, a carroça maluca, para comemorar a produção do vinho

    […] Os lançadores de bandeiras […]

    Reply


Would you like to share your thoughts?

Your email address will not be published.