Todi

Todi, na Úmbria

Todi

Apesar da proximidade com a Toscana eu conhecia a Úmbria apenas de passagem. E nesta Páscoa escolhemos a cidade de Todi, na província de Perugia,  para um final de semana prolongado. Tivemos uma grata e  satisfatória surpresa! De Firenze, a viagem dura pouco mais de duas horas.

Todi

Todi é uma das principais cidades da Úmbria,  região famosa pelas suas colinas verdes (muitas repletas de oliveiras), que tem como base de sua economia o artesanato, a indústria, a agricultura e o turismo. Sua arquitetura medieval bem conservada é sem dúvida um dos principais atrativos. Todi é pequena, tem pouco mais de 20 mil habitantes e é terra de gente hospitaleira e simpática.  A impressão que temos é a de que todos os moradores se conhecem…  Gostoso observar o ritmo de uma cidade que ainda conserva hábitos que não se perderam com o tempo: os passantes se cumprimentam, as pessoas são chamadas pelo nome, o barista sabe que o cafezinho do Giuseppe é “lungo” e um encontro casual na pracinha central da cidade é um momento para jogar conversa fora… sem pressa.  E pra que correr?

Todi-umbria

Graças ao Instagram da Doris eu já estava familiarizada com a cidade e adorei conhecer pessoalmente algumas personalidades e cantinhos encantadores da cidade

Todi foi fundada entre os séculos VIII e VII ac e desenvolveu-se principalmente no século IV ac recebendo forte influência etrusca.

dicas-umbria

Todi-piazza-del-popolo

A piazza del Popolo é o ponto de partida para explorar a cidade. É circundada de prédios e abriga o Duomo da cidade, construído no século XII

Uma das vantagens de incluir Todi em seu passeio é que, fora a sua exuberante natureza e riqueza cultural de burgo medieval, a cidade não sofre grande assédio de turistas.

Todi

No Museu Civico, que funciona no prédio da prefeitura da cidade, na piazza del Popolo, estão expostos objetos umbros, etruscos e romanos

Na praça del Popolo, o miolo da cidade, fica o Comune do Todi, ou seja, a prefeitura da cidade. Estivemos visitando o  Museu Cívico, que funciona no segundo andar do prédio. O museu de arqueologia é um interessante percurso para o acesso à memória histórica da cidade. Estão expostos vasos, cerâmicas, moedas, artigos em bronze, vestimentas e inclusive peças da pré-história. A maioria dos objetos expostos são provenientes das tombas encontradas no final dos anos de 1800. Muitos materiais foram encontrados através de escavações nas áreas urbanas.

o-que-fazer-em-todi

Todi é uma cidade medieval cheias de belezas e tradições sobre as colinas no vale do Tevere. Como a maioria das cidades etruscas é circundada por muralhas. A parte mais “moderna” e atual fica na parte baixa.

Todi
Uma dica para quem quer visitar os principais museus e templos é adquirir o ingresso (Todi Unica) que dá acesso à 7 atrações : Museo cívico, Campanile Di San Fortunato, Cisterne Romane (uma boa pedida desvendar os tesouros subterrâneos através de visitas às cisternas romanas), Museu Lapidario, Palazzo Vescovile, Cripta da Catedral e Chiesa della Nunziatina. O ingresso custa 10 euros e pode ser usado nos finais de semana e feriados ( não é necessário visitar todas as atrações no mesmo dia).
dicas-todi

A igreja de San Fortunato, padroeiro da cidade, edificada no século XIII . Ali está enterrado o poeta Jacopone de Todi . Aqui perto fica a Vineria San Fortunato . Olhem que maravilha a nossa tábua de antipasto preparada por Giuseppe

brasileiros-na-italia

Ficamos hospedados no hotel Bramante, que funciona um antigo convento do século XII. Conseguimos um valor especial e pagamos 260, euros para duas diárias. O café da manhã é caprichado e servido em um salão elegante com a vista para as colinas da cidade. O hotel fica a poucos passos do centro, próximo ao Templo de Santa Maria da Consolação , linda e imponente construção do século XVI.

dicas-viagem-italia

A vista do alto da cidade: paisagem de encher os olhos! A cidade tem vários acessos – chamados de portas – e quem não quiser subir de carro (pois não é tão simples estacionar na parte alta da cidade) vai precisar enfrentar ladeiras ou escadas íngremes.  Mas aqui vai uma dica: na cidade existe um teleférico que funciona gratuitamente. Você estaciona o carro na parte baixa da cidade, sobe e pode curtir o passeio na parte alta da cidade caminhando a pé.  Todi é pequena e é bem gostoso desvendar seus becos e ladeiras com calma e observar o ritmo tranquilo e pacato da cidade. É tāo encantadora que nem parece de verdade…

Todi

Todi fica bem perto das cidades de Assis, Spoleto, Perugia, Orvieto e Cortona, na Toscana. Saindo de carro de Roma o percurso dura 1h30

Onde comer: Dentre os locais que sugerimos para almoço ou jantar estão a Vineria San Fortunato, Le Scalette e Pane e Vino (todos na via Ciuffelli).  E para um saboroso gelato, a sorveteria Pianegiani (fica perto da piazza Garibaldi). Tivemos experiências excelentes em todos esses locais.

 



About

A minha paixão pela comunicação e pelo turismo é herança dos meus pais. Adoro viajar para observar e vivenciar as diversidades culturais. Depois que me formei em Jornalismo, passei longa temporada em Londres, um curto período nos Estados Unidos e atualmente vivo em Florença, com meu marido e nossos dois filhos. Desde 2005 sou retail na Ermenegildo Zegna. Busco sempre ver o lado positivo em todas as coisas e prefiro ter por perto aqueles que, como eu, dão mais valor às pessoas do que às coisas materiais.


'Todi, na Úmbria' have 5 comments

  1. 14 de abril de 2015 @ 10:51 Bóia

    Oi, Denya. Tudo bem? 🙂

    Seu post foi selecionado para o #linkódromo, do Viaje na Viagem.
    Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Até mais,
    Bóia – Natalie

    Reply

    • 14 de abril de 2015 @ 17:12 Denya Pandolfi

      Oba… super obgada Boia e Natalie! A gente adora participar do Viaje na Viagem!;)
      Abbraccio! Até a prox… Denya

      Reply

  2. 11 de novembro de 2015 @ 19:27 Grazie a te / Colheita de azeitonas

    […] Obrigada Dóris pelo relato e pelas lindas fotos enviadas! Sem dúvidas foi um dia feliz e divertido! 😉 Para que quiser conhecer a linda cidade de Todi, clique aqui . […]

    Reply

  3. 4 de abril de 2016 @ 09:35 Grazie a te / Cortona, “Sob o sol da Toscana”

    […] km Arezzo – 30 km Siena- 70 km Montalcino – 65 km Pienza– 45 km Perugia- 50 km Todi– 88 km Para quem quiser ir de trem saindo de Firenze, o percurso dura 1h20 e a estação mais […]

    Reply

  4. 24 de novembro de 2016 @ 12:50 Grazie a te / A nova vida de Doris na Itália

    […] para se lançar em uma nova aventura: eles acabam de abrir uma pousada de luxo nos arredores de Todi, na Úmbria. Nós estivemos na cidade recentemente para conhecer a Locanda di Doris e […]

    Reply


Would you like to share your thoughts?

Your email address will not be published.