DSC_0512

Um passeio por Bolonha

Bolonha é uma cidade pequena, acolhedora e multicultural que te faz sentir em casa logo de cara! Pena que não é um dos destinos mais cobiçados para quem visita a Itália. Mas garanto que a cidade vai te surpreender!

Com cerca de 400 mil habitantes e repleta de torres e pórticos, Bolonha, que fica na região da Emília Romanha, é uma das cidades mais vibrantes do norte da Itália.

piazza-maggiore

A Piazza Maggiore é o coração pulsante da cidade

 

Grazie a te esteve na cidade a convite da Bologna Welcome, que organizou diversos tours pela cidade, onde conheci as principais atrações da cidade e alguns restaurantes.

Bolonha

Sobre Bolonha

Bolonha é terra de gente hospitaleira, alegre e gentil! Por ser uma cidade universitária, é cheia de energia, possibilidades e atrações culturais durante todo o ano. A cidade abriga a mais antiga universidade do país e da Europa, que é de 1088 e fica no Palazzo Dell’Archiginnasio, uma das mais importantes construções de Bolonha.

Bolonha

Bolonha é uma cidade relativamente pequena onde podemos chegar a pé a diversos pontos turísticos. E cada cantinho da cidade reserva belezas e riquezas

Bolonha é conhecida como “la grassa” (a gorda, por ter uma rica diversidade gastronômica), “la dotta” (a culta, por sediar a mais antiga Univerdiade do país) e “la rossa” (a vermelha, devido aos seus prédios e telhados de cor avermelhada).

bologna

As universidades da cidade atraem gente de todo o mundo: mais de 80 mil estudantes vivem na cidade

Como muitas cidades universitárias, Bolonha é cheia de jovens por todos os cantos da cidade, o que confere à cidade uma atmosfera cosmopolita e vivaz.

atraçoes-bolonha

Bolonha tem tudo para te surpreender. Mesmo porque quem visita a cidade não imagina quantas riquezas irá encontrar por ali

 

bolonha

Bolonha é uma cidade gay friendly e é na cidade que fica a sede nacional da Arcigay- Associação Lésbica e Gay da Itália

 

Bolonha

Na Idade Medida , existiam em Bolonha mais de 100 torres. Atualmente são menos de 20. Aberta à visitação (a pagamento), a Torre dos Asinelli é a mais importante da cidade. A torre tem 97,2 m e 498 degraus

 

biblioteca

O passeio incluiu visita à sala de leitura da Biblioteca de Arte e História di San Giorgio in Poggiali, com um acervo de mais de cem mil livros

 

bolonha

Na área central da biblioteca, a obra de Cláudio Parmiggiani

 

Bolonha

A vida noturna de Bolonha é excelente, com o maior vai-vem entre os barzinhos e points da cidade!

Tour das Águas

Vou  falar um pouquinho sobre um dos passeios propostos pela Bologna Welcome, o tour das Águas “Tutti i colori delle acque bolognesi“. A água sempre foi fonte de riqueza e desenvolvimento econômico para Bolonha. No século XIII era o maior centro têxtil da Itália. Não é por acaso que o símbolo da cidade seja a Fonte de Netuno, a obra do escultor Giambolonha (abaixo) que enfeita a praça central da cidade.  E foi ali que o nosso percurso começou.

Netuno

A fonte e a estátua de Netuno, obra de Gianbologna, realizada em 1565

Na piazza Maggiore ficam a fonte e a estátua de Netuno, uma das atrações turísticas da cidade. É uma praça grande cercada por belas construções medievais, como o Palazzo del Podestà, Pallazo d’Accursio e, claro, a gigante Basílica de San Petrônio.

Bolonha

 

Saímos da praça Maggiore e passamos pelo Palazzo D’accursio, que é a sede da prefeitura. Dali percorremos várias ruas, praças e igrejas onde aprendemos um pouco mais sobre o fundamental papel da água na história de Bolonha, que possuia vários canais que a cruzavam, permitindo o funcionamento das máquinas hidráulicas.

DSC01660_1200x883-645x474

Foto divulgação. Gentilmente cedida pela Bruna, do Contando as horas

 

bolonha

Igreja Santa Maria della Pioggia

DSC_0564

O interior da igreja

 

Hospedagem – devido à excelente  localização do hotel, o Al Cappello Rosso,  na Via de’Fusari, pude percorrer toda a cidade sem precisar de carro. O hotel é quatro estrelas superior com excelente atendimento,  quartos modernos, confortáveis e superfuncionais.

bolonha

Além de oferecer quartos clássicos o hotel propõe hospedagem em seus apartamentos temáticos que foram decorados por famosos artistas. O quarto em que ficamos é obra de Alessandro Baronciani, com pinturas em preto e branco.

 

Ao lado do hotel fica a Osteria del Cappello, onde é servido o café da manhã. O buffet é fartíssimo com opções doces e salgadas e inclui também frutas frescas e suco de laranja natural. À disposição também uma série de produtos orgânicos e sem glúten. Vocês podem ter uma idéia de quanta coisa gostosa tinha nesse buffet,  o maior capricho!!!

bolonha

Decoração gracinha que lembra uma mercearia

dicas-bolonha

Em Bolonha come-se muito bem! O tortelloni, o tagliatelle al ragu,  o strozza preti, queijos, presuntos ( a cidade de Parma fica bem pertinho de Bolonha) são algumas das delícias típicas famosas.

bologna

 

dicas-bolonha

O restaurante tem uma vasta gama de vinhos e as entradinhas são imperdíveis! Escolhi esse crostoni com presunto que estava divino!

Um dos restaurantes que visitei foi o Camera a sud, com decoração feita com livros e objetos vintage, selecionados pelos proprietários nas diversas feiras de antiguidades que frequentam. O local é uma opção perfeita para um aperitivo no final do dia. O Camera a Sud fica no ghetto hebraico de Bolonha, na via Valdonica.

restaurante-bolonha

O balcão do restaurante Camera a Sud. O ambiente é bastante descontraído graças também à presença de estudantes e professores acadêmicos

Bolonha à noite

 

piazza-maggiore

Piazza Maggiore à noite: atmosfera envolvente e descontraída

O tour Bologna dall’alto permitiu que o nosso grupo visitasse a torre do palácio que geralmente fica fechada.  Contemplar do alto a beleza de Bolonha à noite com seus monumentos, palácios medievais e prédios iluminados foi um dos momentos mais fascinantes da viagem. Um fato que nos chamou atenção é que a maioria dos que participaram do tour eram moradores da cidade.  Os bolonheses são exigentes com ofertas culturais e prestigiam as iniciativas.

Bolonha

Caminhamos sob seus característicos arcos, pelas ruelas e cruzamos algumas praças da cidade para chegarmos até o Palazzo Fava, que era parte da nossa programação

 

O nosso percurso cultural programado pela Trekking Urbano, que acaba de festejar seu décimo aniversário, contou com a parceria da Genus Bononiae, que organiza passeios urbanos culturais e artísticos pelos museus da cidade.

Depois do passeio fomos jantar no 7 Archi, um charmoso restaurante no centro histórico de Bolonha, que fica numa rua fechada ao tráfego, o que o torna ainda mais especial, já que fica num cantinho da cidade que abriga vários barzinhos badalados e restaurantes concorridos.

comida-italiana

Para entrada escolhi Calamari grigliati com um saboroso vinho Pinot Grigio Friuli Colli Orientali par acompanhar. Escolhas super felizes. Tudo delicioso!

Bolonha fica a apenas 35 minutos de trem de Firenze. Opção excelente para um bate e volta. Recomendo!

 

Posts que podem interessar:

Viajar com crianças

A cúpula do Duomo de Firenze

Hospedagem em apartamento em Firenze

Rafting no Rio Arno em Firenze

Bicicletas em Firenze

Aldravas italianas

Viajar de trem na Itália 

 

 

 

 



About

A minha paixão pela comunicação e pelo turismo é herança dos meus pais. Adoro viajar para observar e vivenciar as diversidades culturais. Depois que me formei em Jornalismo, passei longa temporada em Londres, um curto período nos Estados Unidos e atualmente vivo em Florença, com meu marido e nossos dois filhos. Desde 2005 sou retail na Ermenegildo Zegna. Busco sempre ver o lado positivo em todas as coisas e prefiro ter por perto aqueles que, como eu, dão mais valor às pessoas do que às coisas materiais.


'Um passeio por Bolonha' have 6 comments

  1. 20 de novembro de 2013 @ 22:49 Dani Bispo

    Meninas que delicia de hotel! Que delicia de café da manhã!!!
    Olha acho Bolonha e seus pórticos um charme! Acho uma injustiça os Brasilieros não inclui-la nas viagens à Itália.

    Bjs
    Dani

    Reply

    • 21 de novembro de 2013 @ 12:52 Denya Pandolfi

      Buongiorno Dani!!! Olha, delicia messssmo de hotel… e com o super café da manhã que eles oferecem ficou td melhor ainda! REalmente é uma pena que Bolonha não esteja na lista das principais cidades a serem visitadas. Vale mt a pena! Un bacione e grazie della visita, D

      Reply

  2. 22 de novembro de 2013 @ 16:35 Mariana G.

    Mto bons os posts sobre a Bolonha, a princípio a cidade não está no roteiro da minha próxima viagem à Itália, mas agora estou pensando seriamente em incluí-la! 🙂
    Parabéns pelo blog, estou adorando!

    Reply

    • 22 de novembro de 2013 @ 19:13 Denya Pandolfi

      Cara Mariana, mt obgada por nos acompanhar! Vc vem qdo para a Italia? Bolonha fica perto de Firenze e o trem dura 40 minutos apenas. Acredito que vc n vai se arrepender se dispensar um dia para visita.la. A cidade é mt aconchegante, cheia de vida e linda!!! PRecisando de qq coisa, basta nos contatar. E volte sempre! Un bacione, Denya

      Reply

  3. 16 de setembro de 2018 @ 09:06 Grazie a te / Firenze é uma excelente base para explorar a famosa região da Toscana

    […] 9- Bolonha – Nessa relação quis incluir não apenas cidades da Toscana. Bolonha, que fica na região da Emília Romanha é  uma cidade de gente hospitaleira, alegre e gentil! P eee repleta de torres e pórticos, Bolonha, que fica na região da Emília Romanha, é uma das cidades mais vibrantes do norte da Itália. […]

    Reply


Would you like to share your thoughts?

Your email address will not be published.