villa-lilliano

Villa Medicea di Lilliano

No início deste verão participei de um almoço na magnífica Villa Medicea di Lilliano em companhia de algumas blogueiras. Havia recebido um convite deles para participar de um evento promovido em abril e infelizmente na época não pude comparecer.  Mas dessa vez fiquei feliz em poder aceitar o convite para conhecer o local e participar de uma cooking class capitaneada por Emiko Davies, que é food-blogger e fotógrafa, e apresentou seu livro e preparou um almoço regado de pratos típicos da cozinha toscana.  A Villa di Lilliano fica perto de Bagno a Ripoli, a 20 Km ao sul de Firenze. E imaginar que em apenas 15 minutos a gente deixa o centro de Firenze e de repente se encontra num lugar tão tranquilo, romântico e pitoresco. Nada mais prazeroso do que iniciar a temporada de verão assim! Vou contar aqui sobre a minha experiência neste lugar de sonhos:

DSC_0288

Esta foi uma das villas que pertenceram à uma das famílias mais influentes da Toscana, a Médici, família de banqueiros que patrocinou escritores e artistas marcando o início do movimento renascentista.  A villa já foi de propriedade de outras famílias tradicionais e desde 1830 pertence à família Malenchini. Desde o início desde ano o local funciona como resort para os que buscam hospedagem exclusiva em uma das villas do complexo e principalmente despontando como cobiçado location para a realização de festas de casamentos, além de desfiles e eventos.

casamento-toscana

Cenário encantador para festas de casamento!

Fomos recebidas pelo gerente da villa, o simpático Eric Veroliemeulen, e pela proprietária Diletta Malenchini, que nos acompanharam por um tour à villa principal, a La Corte, que tem 5 quartos, elegantes salões, biblioteca e uma capela.

DSC_0290

A sala oriental

 

DSC_0284

A capela da villa. Olhem o piso como é divino!

 

Villa-Medicea-di-Lilliano

Ao fundo a fonte realizada pelo arquiteto Giovan Battista Foggini. Esta é a obra-gémea da fontedo Giardino di Boboli de Firenze

Os jardins são esplêndidos, com plantas e vasos de frutas cítricas simetricamente colocados na passarela que conduzem até a fonte. Todo o território abrange uma área de 70 hectares, com oliveiras e videiras que integram a paisagem das colinas do Chianti, onde são cultivadas uvas para a produção do Chianti, Chianti Colli fiorentini, o Super Tuscan Bruzzico e Vin Santo del Chianti (inclusive o local oferece degustações de vinho mesmo para os visitantes que não estão hospedados nas villas), além do azeite de oliva. Uma horta com diversas espécies de ervas e legumes complementam o cenário. Tudo de acordo com a agricultura orgânica.

destination-wedding

Depois de um passeio pelos jardins fomos até o terraço, de onde é possível contemplar uma vista da cidade de Firenze de tirar o fôlego! E Emiko nos presentou com uma saborosa torta de maçã.

DSC_0307

 

Depois da degustação da torta de maçã com essa vista privilegiada, fomos para a cozinha da villa começar a preparar o nosso almoço. Apenas chegamos à cozinha, suspiros de “ohhh”, tamanha beleza do ambiente.

 

DSC_0322

Fiquei maravilhada com essa cozinha!

DSC_0325

Emiko Davies é filha de japonês e australiano e depois de ter vivido em diferentes países, escolheu a Toscana para viver. Ou a Toscana a escolheu? Aqui ela conheceu seu atual marido, que é sommelier e dá sempre aquele apoio e assistência para preparar suas receitas.   Na ocasião Emiko, que é um doce de pessoa,  apresentou sua mais nova obra, o livro Florentine: the True Cuisine of Florence. O livro é um deleite, com fotos espetaculares dos pratos típicos da cozinha toscana, com foco na culinária  florentina.

emiko

Hora de começar a cozinhar: Emiko distribuiu a materia- prima e dividiu as tarefas para os participantes do evento:  Nardia Plumridge, do blog Lost in Florence, Valeria Necchio, do Life Love Food, Julia Spiess, do Dinners with Friends, Ilaria Gori, do Tuscany Buzz e Irene Berni, do Valdirose,

Para começar, crostini com lardo di Colonnata e mel, para ir abrindo o apetite da turma! ,)

DSC_0336

 

DSC_0333

A querida Nardia começando a preparar a massa

O processo para preparar a massa para o ravioli é simples mas exige paciência. Emiko apresentou ravioli  com pera e queijo. Super delicados e deliciosos!!!

DSC_0355

Na sequência, panzanella, um prato típico do verão, que é feita com pão toscano dormido amolecido na água, tomate, pepino, manjericão e cebola roxa.  Eu torcia o nariz porque não conseguia entender essa coisa de pão velho amolecido na água, até que experimentei esse prato, que é geralmente servido com o um primo, e adorei! Ja estou preparando um post sobre os pratos toscanos e tem a panzanella como uma das especialidades aqui da terrinha.

DSC_0345

Irene, eu, Valeria, Emiro e Julia

villa-lilliano

DSC_0362

E para sobremesa, bombolone e Vin santo. Comi apenas um bombolone e sonhei com ele por alguns dias… é impressionante como apesar de ser fritura, apresentava uma massa tão leve e delicada.

string_lights_villa_di_liliano_1

Os jardins preparados para uma festa de casamento… uma beleza! (foto divulgação, por weddingmusicandlights)

 

villa-lilliano-italia

A piscina da villa, indispensável nesses dias de calor intenso aqui na Toscana (foto divulgação)

Grazie  Nardia por ter lembrado do meu blog para participar do evento. Grazie Emiko, Eric e Diletta pelo carinho e dedicação em nos apresentar a villa e as maravilhosas receitas.



About

A minha paixão pela comunicação e pelo turismo é herança dos meus pais. Adoro viajar para observar e vivenciar as diversidades culturais. Depois que me formei em Jornalismo, passei longa temporada em Londres, um curto período nos Estados Unidos e atualmente vivo em Florença, com meu marido e nossos dois filhos. Desde 2005 sou retail na Ermenegildo Zegna. Busco sempre ver o lado positivo em todas as coisas e prefiro ter por perto aqueles que, como eu, dão mais valor às pessoas do que às coisas materiais.


'Villa Medicea di Lilliano' have 5 comments

  1. 14 de julho de 2016 @ 23:40 Maria Glória D'Amico

    Denynha, olhe só, este post eu não vou deixar muitas palavras, para não estragar. Há escritos, tão mágicos, que falar muito estraga. Você está de parabéns, mais uma vez! Momentos maravilhosos, repletos de beleza!
    A panzanella é uma delícia e aguardo o teu post, para nada perder.
    Adorei o piso, igualmente, e a cozinha.
    Bacio e abbraccio!

    Reply

    • 17 de julho de 2016 @ 22:52 Denya Pandolfi

      Tudo ali tão maravilhoso, carregado de história! Super feliz com o teu recadinho, obrigada querida! E assim que eu conseguir me organizar melhor vou preparar o post sobre os pratos típicos da Toscana. Um beijo pra ti com muito carinho, Denya

      Reply

  2. 9 de outubro de 2016 @ 22:51 Grazie a te / A colheita de uvas na Itália

    […] cultura deste país.  E este ano eu participei pela primaria vez de uma vindima, a convite da Villa Medicea di Lilliano, que fica nos arredores de […]

    Reply

  3. 25 de novembro de 2016 @ 14:04 Grazie a te / Colheita de azeitonas

    […] participei da colheita de azeitonas com um grupo de blogueiras e jornalistas à convite da  Villa Medicea di Lilliano.  No final de setembro estive no local participando da colheita de uvas, confira aqui como foi a […]

    Reply


Would you like reply to Grazie a te / Colheita de azeitonas

Your email address will not be published.