HZero, a companhia ferroviária em miniatura e o bistrot Tåg

Nos arredores  da praça Santa Maria Novela de Florença tem museu formidável, inaugurado  ano passado,  que oferece aos visitantes uma experiência encantadora! É o museu HZero,  uma das maiores ferrovias em miniatura da Europa. Aqui é possível fazer uma viagem no tempo no mundo dos trens!

O museu HZero  é uma companhia ferroviária em miniatura

 

Esse projeto é o resultado de mais de 40 anos de dedicação, criatividade e paixão

 

O museu HZero é um modal ferroviário de 280 m2   que existe graças à paixão do empresário Giuseppe Paternò Castello di San Giuliano, que começou a criar esse imponente mundo de miniaturas de trens nos anos  70. Quem leva adiante o projeto é o filho Diego, que  apresentou o museu HZero a um grupo de jornalistas, que tiveram também a oportunidade de experimentar em primeira mão o bistro TÅG, anexo ao museu,  que abrirá ao público no próximo dia 8 de dezembro.

Diego di San Giuliano, filho do colecionador Giuseppe

O percurso de visita acontece em uma grande sala,  com luzes, sons e projeções.  Um sistema de iluminação foi projetado para dar a impressão da passagem do tempo através da sucessão de diferentes eventos atmosféricos, desde tempestades até nevascas, do amanhecer ao anoitecer. Inclusive em determinado momento  as luzes começam a diminuir, as luzes da cidade vão  se acendendo e quando a noite chega,  são os faróis  e as lâmpadas das casas e das ruas que  iluminam o cenário.
Imaginem que são 359 percursos possíveis, com quase um quilômetro de  trilhos,  mais de cem  semáforos, cerca de cinquenta alto-falantes para difusão sonora.  E claro que não faltam habitantes,  transeuntes e todos os tipos de situações nas tantas paisagens representadas.

Este é um dos maiores ferrovias em miniatura da Europa, com modelos de trens austríacos e alemães

O bistrot TÅG
No próximo dia 8 de dezembro será inaugurado o bistrot Tåg, onde estive após a visita ao museu. A palavra Tåg é sueca e signica trem, além de ser a abreviação de turismo, arte e gastronomia.  O TÅG apresenta-se como uma viagem culinária, onde cada prato se transforma numa experiência metafórica de exploração, com um menu contemporâneo que viaja ao ritmo de quem o frequenta.  A ideia por trás do TÅG nasceu do encontro entre Fanny Isaksson,  Federico Masilla e Virgina Capozzi.

O menu com referências internacionais traz sushis e pãezinhos, bao buns cozidos no vapor, sanduíches rápidos como o bahn mì, da tradição vietnamita

Tal como o trem, que atravessa paisagens distantes, o menu TÅG viaja por diferentes culturas e comidas,   com sabores e técnicas culinárias inspiradas no vapor em que a proposta culinária se torna uma viagem única, uma oportunidade de explorar novos destinos gastronômicos.

O projeto foi assinado pelo arquiteto Luigi Fragola, que desenvolveu  o conceito do local inspirado nas imagens de itinerários dos trens

 

Museu HZero e Bistrot TÅG

Piazza degli Ottaviani, 2 – Firenze

De segunda à domingo, das 10 às 19 horas

Dia de fechamento:  terça-feira

Valor do bilhete para o museu: 12 euros (adulto)/ de 4 a 13 anos: 6 euros

  • os valores dos bilhetes e horários de funcionamento podem alterar de acordo com o período do ano

 

Para passeios em Florença e consultoria de viagem,  me mande uma mensagem que te passo varias opções


About

A minha paixão pela comunicação e pelo turismo é herança dos meus pais. Adoro viajar para observar e vivenciar as diversidades culturais. Depois que me formei em Jornalismo, passei longa temporada em Londres, um curto período nos Estados Unidos e atualmente vivo em Florença, com meu marido e nossos dois filhos. Desde 2005 sou retail na Ermenegildo Zegna. Busco sempre ver o lado positivo em todas as coisas e prefiro ter por perto aqueles que, como eu, dão mais valor às pessoas do que às coisas materiais.


'HZero, a companhia ferroviária em miniatura e o bistrot Tåg' have 2 comments

  1. 6 de dezembro de 2023 @ 09:47 renatoassemany

    Mais um gol do grazie a te.
    Grazie.

    Reply

    • 6 de dezembro de 2023 @ 10:10 Denya Pandolfi

      Muito obrigada, Renato! Fico muito feliz em saber que gostaste do post! Esse museu é incrível, impossível não se encantar! Buona giornata, Denya

      Reply


Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.