A Torre de Arnolfo

A Torre de Arnolfo, de 95 metros de altura, é um dos maiores símbolos de Firenze. É a segunda construção mais alta da cidade, perdendo apenas para a cúpula de Brunelleschi, e pode ser vista de diversos pontos da cidade.  Faz parte do  primeiro núcleo do Palazzo Vecchio, sede municipal da cidade de Florença, que foi construído em 1299, com  projeto de Arnolfo di Cambio.  A  torre, que  é aberta ao público para visitação,  foi realizada em  1310 e é um dos pontos panorâmicos mais bonitos de Firenze!

A curiosa assimetria em relação ao centro da fachada é que a torre foi erguida incorporando uma torre pré-existente que ficava naquela posição

As casas-torre eram demonstração de poder e prestígio das famílias que as construíam. Em Firenze  existiam inúmeras casas-torre e a torre de Arnolfo foi construída a partir de uma torre já existente,  a torre denominada “della Vacca”, que pertencia à família Foraboschi, e tornou-se a mais alta da cidade.

A Torre do Palazzo Vecchio é chamada de Torre Arnolfo em homenagem a Arnolfo di Cambio, o arquiteto do palácio, realizado no final do século 13

 

Na parte superior da torre ficam os 3 sinos campanários: um toca marcando as horas e os outros dois tocam em festividades cívicas. No alto da torre fica o catavento de bronze com uma esfera e  o Marzocco, o leão  símbolo  de Florença.

Os três sinos, a Martinella,  o sino do meio-dia e o sino dos sobrados,  ainda  estão em uso. E o leão Marzocco, símbolo de Florença

 

Com acesso pela parte interna do palácio, as escadarias com seus 223 degraus nos conduzem até o topo da torre.  No percurso, uma curiosidade: existe uma pequena cela, conhecida como Alberghetto, que já serviu de prisão para Cosimo Il Vecchio  e Savonarola.

Realmente fantástico o panorama de Firenze do alto! Temos a possibilidade de admirar a cidade pelos  quatro lados: dos monumentos, às colinas circundantes

Uma das principais curiosidades  relacionadas à torre é a pequena prisão, chamada Alberghetto,  situada praticamente na metade do caminho das escadarias que  conduzem até  o topo. É uma pequena  cela com uma janelinha que era usada, na maioria das vezes,  para deixar os cidadãos que aguardavam julgamento.  Duas personalidades  já estiveram presas no local: Cosimo Il Vecchio e Savonarola.  Cosimo de’ Medici  foi preso  em 1433 devido à suspeita, não muito infundada, de traição e de querer derrubar a República para obter a Senhoria de Florença. Ele foi condenado ao exílio e passou um período em Pádua e depois em Veneza e cerca de um ano mais tarde conseguiu retornar e estabeleceu de fato a Senhoria em Firenze.  Já  o frei dominicano Girolamo Savonarola, preso 65 anos depois, não teve a mesma sorte.  O líder religioso foi  condenado por heresia e queimado  na fogueira na  praça della Signoria,  em 23 de maio de 1498.
A prisão onde ja estiveram Cosimo I e Savonarola

A vista do alto da Torre de Arnolfo, que pode receber um número restrito de visitantes por vez

 

Torre de Arnolfo
Palazzo Vecchio -Firenze
Visitas: de segunda à domingo , das 9 às 21 horas (até 14h às quintas)
Valor: 10 euros (reduzido ) e 12,50 euros inteiro
Visite  o site da  Muse para mais informações
obs: Devido à pandemia é necessario se certificar dos horários de visitação , que  podem sofrer alterações 


About

A minha paixão pela comunicação e pelo turismo é herança dos meus pais. Adoro viajar para observar e vivenciar as diversidades culturais. Depois que me formei em Jornalismo, passei longa temporada em Londres, um curto período nos Estados Unidos e atualmente vivo em Florença, com meu marido e nossos dois filhos. Desde 2005 sou retail na Ermenegildo Zegna. Busco sempre ver o lado positivo em todas as coisas e prefiro ter por perto aqueles que, como eu, dão mais valor às pessoas do que às coisas materiais.


'A Torre de Arnolfo' has no comments

Be the first to comment this post!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.